Você não pode copiar este conteúdo!
AR EN FR DE PT ES
Você-Deve-Questionar-Seu-Cabeleireiro-Com-Essas-Perguntas-Continuação-2

Você Deve Questionar Seu Cabeleireiro Com Essas Perguntas – Continuação

Hoje vamos dar continuidade ao post passado 5 Perguntas Que Seu Cabeleireiro Deseja Que Você Faça; agora adicionando mais 4 tópicos essenciais que devemos questionar o profissional que nos atende no salão de beleza.


por: Cássia Moura | em: 12 de dezembro de 2019.

tags: Segredinho da Beleza
AudioPost:
                   

Não pare de ler se você quer encontrar respostas a algumas dúvidas. Com toda a certeza, que poderá te ajudar na sua próxima consulta capilar. Vamos á eles:

6. QUAL É A RECOMENDAÇÃO PROFISSIONAL PARA CONTINUAÇÃO DOS CUIDADOS EM CASA?

Detestaríamos que você amasse suas madeixas no dia em que o fez e senti-se a derrota após a primeira lavagem, não conseguindo depois gerenciá-la… desanimador para você e para nós profissionais. Então, preste atenção em como seu cabeleireiro estiliza os fios após o corte e faça perguntas sobre como reproduzir o visual em casa. Os profissionais possuem dicas muito fáceis e realistas que podem dar aos clientes que queiram ouvir; sobre como pentear com menos trabalho e oferecendo resultados mais rápidos e viáveis​​.

Cuidar do estilo ou cor do cabelo em casa é crucial para a longevidade e manutenção geral da sua aparência! Seu cabeleireiro não está apenas tentando vender produto, ele está tentando ajudá-la a manter sua beleza até o seu próximo compromisso.  

Ademais, alguns tipos capilares precisam ser colocados em um regime específico por várias semanas para melhorar, como fortalecer, reconstruir as quebras e pontas duplas. Portanto, o cuidado no pós pode fazer toda a diferença!

7. QUESTIONAR SE O SHAMPOO E CONDICIONADOR QUE USA É PARA VOCÊ ?

Fundamental saber o que está sendo usado no seu cabelo quando você está no salão. Devido a variedade de produtos como shampoos, máscaras, condicionadores e outros; é legal saber qual é o nosso tipo capilar e se estamos o indicado para tal. Quantas vezes você não lavou as madeixas no cabeleireiro e gostou do que foi usado e quando chegou em casa não sabia o que era.

Acrescentando que é importante usar os produtos certos para o seu tipo capilar. A maioria das pessoas usa o shampoo e o condicionador errados; e por isso a juba nunca atinge seu potencial. Ou você fica preso imaginando por que a cabeleira nunca fica da maneira que você deseja…

Além disso, o cabelo costuma ser diferente da raiz até as pontas; e pode ser necessário ajustar os produtos que você está usando em diferentes áreas dele. Por exemplo, se você tem um couro cabeludo oleoso, mas com comprimento e pontas secas ou danificadas, convém usar shampoo de balanceamento de pH nas raízes e um outro shampoo ultra hidratante ou suavizante nas extremidades. A questão é: esteja ciente do seu tipo de fios na raiz, comprimento e pontas, e ajuste seu shampoo e condicionador de acordo com a necessidade dele.

Você-Deve-Questionar-Seu-Cabeleireiro-Com-Essas-Perguntas-Continuação-2

8. QUAIS FERRAMENTAS DE ESTILO SERÃO NECESSÁRIAS PARA DUPLICAR AQUELE VISUAL?

Se os produtos são importantes, as ferramentas também são! Por esta razão, certifique-se de questionar mais sobre o tamanho e modelo de pentes e escovas. Por exemplo: oval ou redonda, de cerdas macias, com bolinhas; ou até o material que é feito, como cerâmica e madeira. Aaa e saiba que também existe um desses apetrechos ideal para cada característica de madeixas.

Quanto maior a escova redonda mais liso e suave será o seu cabelo. Quanto menor a escova, mais movimento e corpo principalmente nas pontas. Não se esqueça de perguntar também sobre as ferramentas quentes – chapinhas, secadores, pranchas, baby liss, etc. Eles podem ter sido usados ​​no salão e talvez sejam necessários para facilitar um pouco o estilo em casa. O profissional ficará feliz em fornecer dicas e truques fáceis de executar.

9. QUESTIONAR QUANDO DEVE AGENDAR A PRÓXIMA CONSULTA PARA MANTER ESSA APARÊNCIA?

Igualmente indispensável saber com antecedência quando você precisará voltar ao salão. Sua aparência deve favorecer seu estilo de vida, cronograma e orçamento. Isto é, quantas vezes você deseja voltar e o tempo que tem em casa para estilizar seus fios. Abrindo a discussão sobre a frequência, permitirá que seu cabeleireiro faça ajustes em sua cor e corte para trabalhar de acordo com suas necessidades. Só para ilustrar: a sugestão de uma balayage com raiz em vez de mechas finas e imperceptíveis será realmente bom? Claro que não, pois ao começar a crescer a raíz em algumas semanas, será possível visualizar a linha de demarcação enfeiando todo aquele visual.

O mesmo vale para um corte de cabelo curto. Se alguém não tiver tempo para voltar ao salão a cada três a quatro semanas para manter a forma, é recomendado algo um pouco mais longo e mais tolerante enquanto cresce.

EM SUMA, TER O CABELO DOS SONHOS NÃO É TÃO FÁCIL; MAS COM AS PERGUNTAS CERTAS A QUESTIONAR SEU CABELEIREIRO VOCÊ PERCEBERÁ QUE É POSSÍVEL CUIDAR DELE SEJA NO SALÃO OU EM CASA!

Comentários

Fazer login ou Criar conta
Login
Cadastro

X