Você não pode copiar este conteúdo!
AR EN FR PT ES
o-que-muda-nos-pelos,-cabelos-e-unhas-das-gravidas-1

O Que Muda Nos Pelos, Cabelos E Unhas Das Grávidas

Das muitas mudanças físicas às quais as mulheres grávidas passam durante esse estágio, a maioria não é considerada “bonita”. Algumas coisas são inevitáveis ​​quando você está gestante: enjoos, inchaço corporal, estrias, espinhas, etc. Juntamente existe o crescimento das unhas, aparecimento de pelos indesejáveis (e em diversos lugares) e as variações dos cabelos. Esse último em especial, porque ao contrário das unhas e pelos (que tendem para um lado mais negativo), as oscilações capilares promovem efeitos benéficos. Continue lendo para ficar mais informada:


por: Carla Madureira | em: 7 de agosto de 2019.

tags: Dicas
AudioPost:
                   

ESSAS ALTERAÇÕES HORMONAIS TÊM PRAZO DE VALIDADE: APÓS O NASCIMENTO DO BEBÊ AS COISAS COSTUMAM VOLTAR AO NORMAL! MAS O QUE ESTÁ ACONTECENDO?

Infelizmente, nem todas as mamães têm a sorte de ter cabelos, pelos e unhas belas na gestação. Hormônios às vezes fazem truques desagradáveis. A mulher grávida está sujeita a variações hormonais que lhe permitem manter e cultivar o feto por nove meses em seu útero. Essas substâncias químicas secretadas também estimulam a fase de crescimento. Isso porque durante esse estágio o corpo tem níveis aumentados de estrogênio, progesterona e andrógenos. Resultando na hiperprodução de queratina e sebo que aceleram o desenvolvimento. A primeira diz respeito principalmente às unhas, o segundo e terceiro aos fios e pelos (a progesterona neutraliza os planos da testosterona, responsáveis ​​pela queda de cabelo). Tudo retornará ao habitual quando a testosterona retornar à atividade. Um exemplo: Se suas madeixas mantém o volume até o final da gravidez, suas unhas estarão enfraquecidas. 

1- PELOS FACIAIS E CORPORAIS DAS GRÁVIDAS

De fato: os pelos faciais e corporais podem crescer mais rápido quando você está grávida, possivelmente por causa do aumento nos hormônios andrógenos. Nota-se nova pelugem em lugares não desejados, como o rosto, barriga ou ao redor dos mamilos, e, embora raros, pelos mais grossos e escuros nos antebraços ou no lábio superior. O que deve incomodar!

Soluções?

  • Logo, o caminho mais seguro para se livrar dos pelos dispersos, é a remoção a pinça ou depilar. Evitando produtos químicos depilatórios, que possam ser absorvidos pela corrente sanguínea.
  • Outras opções: Cera, é recomendo uma esteticista em vez de fazê-la sozinho em casa.

Ou até técnicas permanentes de remoção, como laser e eletrólise são consideradas seguras.

Contudo, os hormônios que causam excesso de sensibilidade e pigmentação durante a gravidez, também podem escurecer a pele após esses procedimentos cosméticos. Além disso, são considerados dolorosos, e você pode já ter muito desconforto durante a gestação. De qualquer forma, a maior parte desses pelos indesejados desaparecem de três a seis meses após o parto.

2- CABELOS DE GESTANTE

Cabeleira vasta e linda é algo que muitas mulheres grávidas adoram, já que na maioria das vezes os fios engrossam. Porém, para outras mulheres nem sempre a história é essa! Durante a gestação, os fios são transformados, o que pode promover mais brilho e saúde. Nem todas percebem mudanças dramáticas em seus cabelos antes e depois do parto. Entre aquelas que o fazem, as alterações tendem a ser mais óbvias com fios longos. 

Primeiramente, é normal perdemos até 100 fios por dia, quando gestante o estrogênio extra que produzimos prolonga o estágio de crescimento. Segundo, a textura capilar também é algo que entra nesse balaio de transformações e isso ocorre com lisos, cacheados, crespos, ondulados, ou em vertentes secas a repentinamente oleosas, que podem ser atribuídas a flutuações hormonais. 

o-que-muda-nos-pelos,-cabelos-e-unhas-das-gravidas-1

Soluções?

  • Use shampoo e condicionador adequados à sua natureza “nova”, de preferência, que seja suave e não-iônico (ácidos graxos vegetais). Uma vez por semana, passe uma máscara de cuidado, como esses produtos Felps: Brilho Banho de Verniz com Óleos Especiais de Argan e Macadâmia, Regeneradora de Quiabo ou Azeite de Abacate.
  • Evite qualquer coisa que possa enfraquecer suas madeixas: secadores ou outras ferramentas quentes, géis, spray ou ingredientes pesados. 
  • Pense em suplementos alimentares em cápsulas (gérmen de trigo, geleia real, levedo de cerveja…), é eficaz para você e seu bebê.

3- UNHAS DAS GRÁVIDAS

E com elas acontece alguma modificação? Sim, embora você não note a diferença, pois pouco ou nada se fala. Assim como as madeixas, as unhas crescem muito rapidamente quando se está grávida. No entanto, elas também podem ser enfraquecidas por todas as alterações hormonais que a futura mãe conhece. Algumas desenvolvem garras mais duras e fortes, enquanto apresentam mais macias ou frágeis que se dividem. Como já dito, tais mudanças são temporárias, se obtiver todos os nutrientes de que seu corpo precisa, suas unhas estarão em boa forma de três a seis meses após a chegada do bebê. 

Soluções?

  • Mantenha-as aparadas e evite os produtos químicos do esmalte e removedor.
  • Nesse meio tempo, você pode proteger as unhas usando luvas de borracha nas atividades domésticas , e usando hidratantes nas mãos e pés, especialmente na pele (cutícula) que envolve as garras, especialmente se forem quebradiças.

Comentários

Fazer login ou Criar conta
Login
Cadastro

X